Translate to your language

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Dia 05. Últimos km de estrada de terra



Quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015.
De Catas Altas/MG a Mariana/MG (52 km).

Apesar do céu nublado e dos vestígios de chuva, o curto caminho de Catas Altas/MG até Mariana/MG foi repleto de belas paisagens. A expedição pelo Caminho dos Diamantes, na Estrada Real, estava chegando ao fim. Este é o relato de mais um dia na viagem de moto que realizei pelo Caminho dos Diamantes, na Estrada Real, durante o mês de fevereiro de 2015. Do asfalto das principais rodovias às trilhas no meio do mato, passando por grandes cidades e vilarejos no alto da serra, cruzando belas paisagens e refazendo o mesmo caminho percorrido por viajantes da época do Brasil-colônia... continue lendo para acompanhar a viagem.



Trajeto da viagem

Trajeto de Catas Altas/MG a Mariana/MG.
Trajeto de Catas Altas/MG a Mariana/MG.

Será que vai chover?

Faltavam apenas 52 km para transpor o caminho de Catas Altas/MG até chegar à cidade mineira de Mariana/MG, Os últimos trechos de estrada de terra eu percorreria entre essas duas cidades.

Dessa forma, às 7h30 da matina já me encontrava acordado, arrumando o restante da bagagem. Antes mesmo de tomar café já tinha deixado a moto carregada com todos os meus pertences. Tão logo terminei de tomar o café da manhã, fechei a conta da pousada e parti.

O céu estava todo encoberto por nuvens de chuva e até pensei que fosse encerrar o último trecho da viagem debaixo de lama, literalmente. Antes de sair da pousada, contudo, perguntei ao funcionário onde ficavam as cachoeiras mais próximas, no sentido para Mariana/MG, se é que existia alguma para esse lado, e ele comentou que na saída da cidade haveria placas.

Igreja Matriz de Catas Altas/MG.
Igreja Matriz de Catas Altas/MG.

Vista para a Serra do Caraça, em Catas Altas/MG.
Vista para a Serra do Caraça, em Catas Altas/MG.
Fui seguindo em frente na esperança de encontrar alguma sinalização, porém, confesso que não dei conta de encontrar nenhuma placa de cachoeira pelo caminho, ao menos no trajeto que o GPS me indicava... e que era o mesmo onde estava localizada a sequência de marcos da Estrada Real.

Saindo de Catas Altas/MG.
Saindo de Catas Altas/MG.

Últimos trechos de terra

Enfim, deixei para lá. Mais à frente, nas proximidades de Catas Altas, ainda, encontrei com dois outros motociclistas que vinham em sentido contrário, percorrendo o Caminho de Sabarabuçu da Estrada Real. Pediram-me algumas informações. Disse-lhes que naquele sentido logo chegariam a Catas Altas/MG, e logo se foram.

Motociclistas perdidos próximo a Catas Altas/MG.
Motociclistas perdidos próximo a Catas Altas/MG.
Instantes depois fui surpreendido por uma bela paisagem: um pequeno lago à beira da serra.

Lagoa aos pés da Serra do Caraça.
Lagoa aos pés da Serra do Caraça.

Ponte estreita para atravessar a lagoa.
Ponte estreita para atravessar a lagoa.
Um pouquinho de asfalto para verificar a distância final...

Poucos km para chegar em Mariana/MG.
Poucos km para chegar em Mariana/MG.
... Alguns km mais adiante, um dos marcos da Estrada Real me “jogou” novamente para o chão de terra.

Totem da Estrada Real sinalizando o caminho.
Totem da Estrada Real sinalizando o caminho.

Tangenciando a Serra do Caraça.
Tangenciando a Serra do Caraça.
Uma das coisas que me deixou contente por percorrer esse caminho foi o fato de o terreno estar sempre se alterando, ora estradas de chão de terra, ora asfalto, sem deixar margem para monotonia.

Em instantes cheguei ao vilarejo de Santa Rita Durão/MG.

Igreja matriz em Santa Rita Durão/MG.
Igreja matriz em Santa Rita Durão/MG.

Santa Rita Durão/MG.
Santa Rita Durão/MG.
Em seguida, continuando a viagem, também deixei para trás os povoados de Bento Rodrigues/MG e Camargos/MG.

Cruzando o riachinho.
Cruzando o riachinho.

Último trecho de terra do Caminho dos Diamantes.
Último trecho de terra do Caminho dos Diamantes.
Vi várias poças d’água pelo caminho mostrando que havia chovido recentemente por ali. Talvez, se tivesse passado por esse trecho um dia antes, muito provavelmente teria enfrentado um terreno mais difícil de pilotar.

Um pouco de Mariana/MG

Não tardou muito até chegar em Mariana/MG, poucos minutos depois após o meio-dia. A primeira coisa que fiz foi procurar um ponto de carimbo do passaporte da Estrada Real.

Em vez de continuar o trajeto e ir direto para o destino final dessa viagem, A cidade de Ouro Preto/MG, preferi ficar e aproveitar a tarde para conhecer um pouco dos pontos turísticos da cidade de Mariana/MG. Então, procurei um hotel ali no centro da cidade mesmo para me hospedar, descarreguei minhas coisas da moto, almocei rapidamente e saí novamente, dessa vez, a pé.

Procurei algum ponto de informações turísticas e terminei por encontrar a Casa de Assistência ao Turista”, mas, “dei de cara” na porta porque o local estava fechado. Na verdade, eu procurava por um guia que pudesse me acompanhar em algum passeio pelos principais pontos turísticos, porém, como era o horário do almoço, não achei ninguém que pudesse me dar informações mais detalhadas.

O máximo que consegui obter, em uma loja de artesanato ao lado da Casa de Assistência ao Turista, foi um mapa contendo a localização de vários pontos turísticos da cidade. Bem, para apenas uma tarde de passeio, achei muito bom. No link abaixo você pode realizar o download do mapa turístico do centro de Mariana/MG:


Mapa turístico do centro histórico de Mariana/MG.
Mapa turístico do centro histórico de Mariana/MG.

Nesse entremeio também chegou outra turista, a Lídia, procurando pelas mesmas informações que eu. Então, ela também pegou um mapa e fomos juntos conhecer a região central de Mariana/MG.


Basílica de Nossa Senhora da Assunção.
Basílica de Nossa Senhora da Assunção.

Casa de câmara e cadeia.
Casa de câmara e cadeia.

Igreja de São Francisco de Assis.
Igreja de São Francisco de Assis.

Igreja de São Francisco de Assis, Lídia.
Igreja de São Francisco de Assis, Lídia.

Pelourinho, Igreja de São Francisco de Assis e Igreja de Nossa Senhora do Carmo.
Pelourinho, Igreja de São Francisco de Assis e Igreja de Nossa Senhora do Carmo.

Rua Direita, Mariana/MG.
Rua Direita, Mariana/MG.

Igreja São Pedro dos Clérigos.
Igreja São Pedro dos Clérigos.

Vista de Mariana/MG.
Vista de Mariana/MG.

Vista de Mariana/MG.
Vista de Mariana/MG.
Enfim, visitamos o máximo de lugares que conseguimos percorrer em apenas uma tarde. Muitos locais e belezas naturais ainda ficaram para trás para serem visitados. Infelizmente, terão que ser conhecidos em uma próxima oportunidade. Mais atrativos turísticos podem ser encontrados no site oficial de turismo da cidade de Mariana/MG:



Hotel: R$115,00.



SOBRE O AUTOR

0 comentários:

Postar um comentário


ATENÇÃO! Comentários são sempre bem vindos por incentivarem o debate, a troca de informações e enriquecerem bastante o conteúdo do artigo. Contudo, justificadamente, foram estabelecidas normas na Política do Site que estipulam algumas restrições. Em resumo, poderão ser removidos:
  • se não tiverem relação com os assuntos abordados no artigo;
  • caso contenham links para divulgação não autorizada de blog ou site (comente com seu Nome/URL ou OpenID, nesse caso);
  • se possuírem propagandas de qualquer natureza - spam;
  • caso apresentem palavras grosseiras ou ofensas a quaisquer pessoas ou marcas;

Categorias